Portuguese
.

Boletim Focus: mercado prevê aumento da inflação e da Selic em 2022

Último Boletim Focus havia sido publicado no dia 28 de março

Boletim Focus: mercado prevê aumento da inflação e da Selic em 2022 (LenaKate/Envato)

Após ficar quase um mês sem atualizar as estimativas do mercado financeiro, por conta da greve dos servidores da instituição, o Banco Central divulgou nesta terça-feira (26) o Boletim Focus. Em quatro semanas, a projeção do mercado para a inflação oficial de 2022 avançou de 6,86%, no final de março, para 7,65% nesta semana. Essa é a 15ª alta consecutiva da estimativa. Uma semana atrás, o BC projetava alta de 7,46% no IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo).

Com isso, a inflação fica cada vez mais longe da meta estipulada de 3,5% no ano, com tolerância de 1,5 ponto percentual – ou seja, até 5% a meta estaria sendo cumprida. O mercado também aumentou a projeção do IPCA para 2023, prevendo inflação de 4% no ano que vem, ante estimativa de 3,80% há quatro semanas – também acima da meta, de 3,25%.

A projeção para a taxa básica de juros (Selic) também sofreu aumento e está em 13,25%, ante os 13% do último relatório divulgado. Há uma semana, ela estava estipulada em 13,05%. A Selic é a principal ferramenta do BC para controlar a pressão inflacionária. Para 2023, o mercado manteve a taxa inalterada em 9%. Por outro lado, o Boletim Focus prevê queda no câmbio e a expectativa agora é que o dólar termine o ano a R$5,00, ante expectativa de R$ 5,25.

A Selic deve acompanhar o avanço da nossa inflação (IPCA) e cada vez mais as reuniões do Copom serão acompanhadas com muita atenção dos investidores para verificar até onde a taxa básica de juros irá. Além disso, a guerra ainda tem afetado os preços das commodities e isso impacta diretamente no nosso poder de compra. É importante lembrar que os efeitos de uma Selic alta são sentidos com uma latência de 6 à 12 meses após sua implantação. Com isso, a inflação deve tender a arrefecer mais para o segundo semestre e, como em todo o globo, fica dependente de um recuo nas ações militares russas, já que a inflação sentida é baseada na falta de oferta e não em uma alta demanda”, explica o executivo de investimentos da Invest4U, Vinicius Felchack.

Expectativas do mercado para 2022

em 28/03 (último Boletim Focus)hoje (26/04)
IPCA (inflação)6,86%7,65%
Selic (taxa de juros)13%13,25%
PIB0,50%0,65%
Câmbio (dólar)R$ 5,25R$ 5,00


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.