Portuguese
.

Ibovespa abre última sessão de abril em alta

Balanços corporativos pautam mercado nacional e internacional na última sessão do mês

Ibovespa abre última sessão de abril em alta

A agenda desta sexta-feira (29) traz como destaque a divulgação da inflação ao consumidor dos Estados Unidos medida pelo PCE. Já na zona do euro, destaque ao índice CPI e ao Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre. No Brasil, o Banco Central volta a divulgar a nota de setor externo, com os dados de fevereiro e março, além da Pnad Contínua.

Brasil

O Ibovespa abre em alta de 1,52% aos 111.588 pontos. Os investidores brasileiros repercutem os balanços trimestrais, mas também mantém atenção aos riscos do exterior, como a guerra na Ucrânia, aperto monetário nos Estados Unidos e a onda de Covid-19 na China.

No setor de commodities, o petróleo avançava durante a manhã. O Brent registrava alta de 1,18% a US$ 108,53, enquanto o WTI subia 0,72% a US$ 106,12. O minério de ferro subiu 2,92% em Qingdao, sendo negociado a US$ 145,99.

Internacional

Na Ásia, as bolsas voltaram a fechar em alta, impulsionadas pelas promessas das autoridades chinesas de que irão ampliar os esforços para sustentar a economia do país, que passa pela pior onda de Covid-19 desde o início da pandemia, e pelas fortes altas ontem em Wall Street. O Hang Seng, em Hong Kong, liderou os ganhos do dia, avançando 4,01%. Na China continental, o Xangai Composto subiu 2,41%, enquanto o Taiex, em Taiwan, teve alta de 1,05%. O Kospi, em Seul, valorizou 1,03%. A bolsa no Japão não funcionou hoje, devido a um feriado nacional.

Na Europa, as bolsas também operavam no positivo após a divulgação do PIB da zona do euro, que mostrou crescimento de 0,2%, em linha com a expectativa do mercado. Por volta das 9h30 (horário de Brasília), o Euro Stoxx subia 0,97%, seguido pelo CAC 40, na França, que valorizava 0,83%. No Reino Unido, o FTSE tinha alta de 0,53%, enquanto na Alemanha, o DAX avançava 1,07%.

Nos Estados Unidos, os resultados das big techs impactam o mercado e fazem os principais índices de Wall Street operar em baixa. O S&P 500 caía -0,90%, enquanto o Nasqad desvalorizava -1,19%. O Dow Jones recuava -0,45%. O dólar registrava queda durante a manhã, desvalorizando -1,51% a R$ 4,87.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.