Portuguese
.

Retrato de Marylin, de Andry Warhol, é vendida por US$ 195 milhões em leilão

Renda total da venda será doada para beneficiar instituições de caridade que prestam serviços médicos e educacionais urgentes a crianças

Retrato de Marylin, de Andry Warhol, é vendida por US$ 195 milhões em leilão (Reprodução/Christies)

O famoso retrato em de Marilyn Monroe, feito pelo artista Andy Warhol em 1964, foi vendido na última segunda-feira (9) por US$ 195 milhões em leilão realizado pela Christie’s. Esse é um recorde para obra de um artista norte-americano vendida em leilão, além de ser a obra de arte mais cara do século 20 a ser leiloada no Christie’s.

A pintura foi o lote final 36, de uma coleção de arte da fundação suíça Thomas e Doris Ammann, que arrecadou US$ 317,8 milhões no total. Segundo comunicado da Christie´s, a venda demonstrou atraiu a participação de licitantes em 29 países, com 68% dos lotes vendidos acima da alta estimativa.

A renda total da venda será doada para beneficiar instituições de caridade que prestam serviços médicos e educacionais urgentes a crianças.

Esta noite foi uma noite histórica para a Christie’s e para todo o mercado de arte contemporânea. A venda recorde do retrato icônico de Warhol de Marilyn da Coleção de Thomas e Doris Ammann é uma prova da força, da vibração e do entusiasmo geral do mercado de arte hoje”, comemorou Alex Rotter, presidente da Christie’s 20th and 21st Century Art.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.