Portuguese
.

Inflação da construção sobe para 2,81% em junho, diz FGV

Com este resultado, o índice acumula alta de 7,20% no ano e 11,75% em 12 meses.

Inflação da construção sobe para 2,81% em junho, diz FGV (denverurbanreview/Twenty20)

O Índice Nacional de Custo da Construção-M (INCC-M), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), registrou inflação de 2,81% em junho deste ano. Ela é superior ao valor de maio (1,49%) deste ano e maior que os 2,30% de julho de 2021. Com o resultado, o índice acumula inflação de 7,20% no ano e de 11,75% em 12 meses. Em julho de 2021, o INCC-M acumulado em 12 meses era de 16,88%.

A taxa do índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços passou de 1,55% em maio para 1,40% em junho. O índice referente à Mão de Obra subiu 4,37% em junho, após variar 1,43%, em maio.

No grupo Materiais, Equipamentos e Serviços, a taxa correspondente a Materiais e Equipamentos variou 1,58% em junho, após subir 1,67% no mês anterior. Dois dos quatro subgrupos componentes apresentaram decréscimo em suas taxas de variação, destacando-se equipamentos para transporte de pessoas, cuja taxa passou de 2,37% para 0,33%.

A variação relativa a Serviços passou de 0,92% em maio 0,50% em junho. Neste grupo, vale destacar o recuo da taxa do item aluguel de máquinas e equipamentos, que passou de 2,36% para 0,88%.

Cinco capitais apresentaram acréscimo em suas taxas de variação: Salvador, Brasília, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo. Em contrapartida, Belo Horizonte e Porto Alegre apresentaram decréscimo em suas taxas de variação.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.