Portuguese
.

Ibovespa abre em queda, seguindo o mercado internacional

Queda nos commodities fazem principal índice brasileiro operar em queda

Ibovespa abre em queda, seguindo o mercado internacional

A agenda desta segunda-feira (11) traz como destaque os dados de inflação da China, além de reunião do Banco Central Europeu (BCE) e dos dados de inflação, balanços de bancos e discurso dos dirigentes do Fed nos Estados Unidos. No Brasil, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, fará uma palestra – seus comentários ganham destaque após a inflação bater recorde histórico na última sexta-feira (8). Lembrando que a semana é mais curta, visto que o feriado da Sexta-feira Santa fecha os mercados no Brasil, Estados Unidos e Europa.

Brasil

O Ibovespa abriu a segunda-feira (11) em queda de 0,87% a 117.288 pontos. O índice brasileiro é pressionado pela baixa dos commodities, que recuam em virtude do avanço da Covid-19 na China e puxam as ações das empresas do setor. O petróleo Brent recuava -3,79% a US$ 98,88, enquanto o WTI caia -4,10% a US$ 94,23. Já o minério de ferro caiu -4,56% em Dalian, na China.

Internacional

Na Ásia, os principais índices fecharam em queda à medida que a China, enquanto enfrenta uma nova onda de Covid que colocou Xangai em lockdown, também viu seus dados da inflação virem acima do esperado. Com isso, o Hang Seng, em Hong Kong, liderou as quedas do dia, recuando -3,03%, enquanto o Xangai Composto, na China continental, caiu -2,61%. Em Taiwan, o Taiex registrou queda de -1,37% e o Kospi, em Seul, desvalorizou -0,27%. Em Tóquio, o Nikkei recuou -0,61%.

Na Europa, os principais índices operavam em baixa nesta manhã, com exceção da França, que teve o primeiro turno das eleições presidenciais nesse final de semana e viu o atual presidente, Emmanuel Macron, ir para o segundo turno contra Marine Le Peon. As pesquisas indicam uma vitória do atual governante. Por volta das 10h30 (horário de Brasília), o Euro Stoxx caia -0,17%, enquanto o CAC 40, na França, tinha alta de 0,56%. Na Alemanha, o DAX recuava -0,53% e o FTSE, no Reino Unido, desvalorizava -0,44%.

Nos Estados Unidos, os principais índices de Wall Street também abrem em queda, acompanhando o mercado exterior e á espera das falas dos dirigentes do Fed. O S&P 500 abriu em queda de -0,60%, enquanto o Nasqad caia -1,38%. O Dow Jones recuava -0,19%. Já o dólar operava em alta de 0,30% a R$ 4,71.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.