Portuguese
.

Ibovespa segue mercado internacional e fecha com maior queda do ano

Alta do petróleo e temor de aumento na inflação fizeram as bolsas despencarem no mundo todo

Ibovespa segue mercado internacional e fecha com maior queda do ano

O Ibovespa fechou a segunda-feira (7) com queda de -2,52% a 111.593 pontos. É a maior queda do índice brasileiro em 2022. Os investidores em todo o mundo ficaram com um aversão ainda maior ao risco após as altas do petróleo que atingir os maiores patamares desde 2008, reflexo do conflito no leste europeu e da ameaça de embargos ao petróleo russo.

Nos destaques positivos da bolsa, a Bradespar (BRAP4) liderou os ganhos com alta de 2,90%, seguida da Vale (VALE3), que avançou 2,65%. A Rumo (RAIL3) subiu 1,64%, enquanto Suzano (SUZB3) e Marfrig (MRFG3) tiveram alta de 0,96% e 0,86%, respectivamente.

Do lado negativo, a Azul (AZUL4) despencou e liderou as quedas com -18,19%, seguida pela Gol (GOLL4) que recuou -16,96%. A CVC (CVCB3) também teve queda de -10,49%, enquanto a Americanas (AMER3) caiu -10,37%. A Alpargatas (ALPA4) também registrou resultados negativos, com queda de -9,27%.

Nos Estados Unidos, Wall Street também viu seus índices desabarem nesta segunda. O S&P 500 recuou -2,95%, enquanto o Nasqad registrou baixa de -3,62%. O Dow Jones caiu -2,37%. O dólar, por sua vez, registrou alta de 0,99% a R$5,11.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.