Portuguese
.

Ibovespa abre em queda, após Banco Central Europeu elevar juros

É a primeira alta na taxa de juros feita pelo BCE nos últimos 11 anos

Ibovespa abre em queda, após Banco Central Europeu elevar juros

O principal destaque da quinta-feira (21) é o primeiro aumento da taxa de juros no Banco Central Europeu em 11 anos. O BCE elevou as taxas acima do esperado, em uma tentativa de controlar a alta inflacionária que atinge a região.

Brasil

O Ibovespa abriu em queda de -0,69% aos 97.609 pontos. O índice brasileiro é pressionado pelos pares internacionais e pela queda do petróleo. O Brent recuava -2,13% a US$ 104,64, enquanto o WTI caía -2,50% a US$ 97,38. Já o minério de ferro, em Cingapura, recuava -0,48% a US$ 103,00.

Internacional

Na Ásia, as bolsas fecharam sem uma direção única, enquanto os investidores ainda aguardavam pela decisão do BCE. O Nikkei, em Tóquio, subiu 0,44%, enquanto o Kospi, em Seul, teve alta de 0,93%. O Taiex, em Taiwan, valorizou, 1,39%. Já na China continental, o Xangai Composto perdeu -0,99%, seguido pelo Hang Seng, em Hong Kong, que recuou -1,51%.

Na Europa, os principais índices do continente operavam em campo negativo, repercutindo a alta de juros. Por volta das 10h30 (horário de Brasília), o Euro Stoxx caía -0,54%, seguido pelo CAC 40, na França, que recuava -0,32%. Na Alemanha, o DAX caía -1,20%, enquanto o FTSE, no Reino Unido, desvalorizava -0,74%.

Já nos Estados Unidos, Wall Street abriu em queda. O S&P 500 tinha queda de 0,37%, enquanto o Nasqad recuava -0,19%. O Dow Jones tinha baixa de -0,53%. O dólar estava praticamente estável, com leve queda de -0,06% a R$ 5,46.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.