Portuguese
.

Ibovespa abre em alta e supera os 107 mil pontos

Inflação do Brasil e dos Estados Unidos são o destaque da semana

Ibovespa abre em alta e supera os 107 mil pontos

A agenda desta semana tem como principal destaque a divulgação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial, de julho e a ata da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central, que definiu a Selic a 13,75% ao ano – ambas saem na terça-feira (9). No exterior, o foco fica por conta da divulgação dos dados da inflação ao consumidor medido pelo CPI que será divulgado na quarta-feira (10) e a inflação do produtor (PPI) que sai na quinta-feira (11).

Brasil

O Ibovespa abriu o dia em alta de 0,78% aos 107.300 pontos. O principal índice brasileiro engata o quinto dia seguido de resultados positivos, enquanto aguarda para ser testada a partir de amanhã (9) com a divulgação da inflação do país. Grandes empresas como Itaú, Banco do Brasil, BRF, Magazine Luiza e Natura irão divulgar seus balanços do segundo trimestre nessa semana.

No setor de commodities, o petróleo operava em queda durante a manhã. O Brent recuava -0,48% a US$ 94,46, enquanto o WTI perdia -0,72% a US$ 88,37. O minério de ferro, em Qingdao, avançava 2,78% a US$ 110,88.

Internacional

Na Ásia, os principais índices fecharam sem uma direção única enquanto os investidores digeriam os números da balança comercial da China e o payroll dos Estados Unidos. O Xangai Composto, na China continental, teve alta de 0,31%, seguido pelo Nikkei, em Tóquio, que subiu 0,26%. Em Seul, o Kospi avançou 0,09%. Por outro lado, o Hang Seng, em Hong Kong, recuou -0,77%, enquanto o Taiex, em Taiwan, perdeu -0,10%.

Na Europa, as bolsas operavam em alta com a expectativa dos novos dados de inflação ao consumidor (CPI) dos EUA, depois do bom desempenho do mercado de trabalho norte-americano. Por volta das 10h20 (horário de Brasília), o Euro Stoxx avançava 1,17%, seguido pelo CAC 40, na França, que subia 1,24%. Na Alemanha, o DAX valorizava 0,99%, enquanto o FTSE, no Reino Unido, ganhava 0,90%.

Nos Estados Unidos, Wall Street também abriu o dia com resultados positivos enquanto aguarda os dados do CPI. O S&P 500 subia 0,56%, enquanto o Nasqad valorizava 0,55%. Já o Dow Jones avançava 0,59%. O dólar operava em queda de -1,13% a R$ 5,10.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.