Portuguese
.

França retira necessidade de testes de covid-19 para entrada no país

No entanto, viajantes devem estar completamente vacinados

França retira necessidade de testes de covid-19 para entrada no país (chloeboulos/envato)

A Embaixada da França no Brasil anunciou nesta segunda-feira (14) que passageiros completamente vacinados com as vacinas aprovadas pela União Europeia podem entrar no país sem a necessidade de realizar o teste de covid-19.

Para o governo francês uma pessoa só é considerada ‘completamente vacinada’ 28 dias após uma dose da Janssen e sete dias após a aplicação da segunda dose da Pfizer, Moderna e AstraZeneca e de vacinas aprovadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), como a Coronavac. Desde o dia 1º de fevereiro, o governo exige a terceira dose para os que estão aptos a recebê-la.

Passageiros não vacinados ainda serão obrigados a apresentar um teste negativo para entrar na França. As medidas só são retiradas quando o viajante provém de países na lista verde – o que não é o caso do Brasil.

Brasileiros que não estiverem vacinados, assim como passageiros de todos os outros países da lista laranja, devem continuar justificando a necessidade de irem para a França e podem ser submetidos a um teste aleatório na chegada ao país.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.