Portuguese
.

Ibovespa abre em alta em semana marcada pela divulgação da inflação oficial do país

Destaques da semana ficam por conta da divulgação da inflação no Brasil e nos Estados Unidos

Ibovespa abre em alta em semana marcada pela divulgação da inflação oficial do país

A agenda desta semana tem como destaque a divulgação de índices econômicos brasileiros, como o IGP-DI na quarta-feira (8) e o IPCA, inflação oficial do país, na quinta-feira (9). No exterior, destaque para o PIB europeu que saíra na quarta e para o índice de preços ao consumidor nos Estados Unidos, divulgado na sexta-feira (10). Além disso, o Banco Central Europeu deve confirmar que em julho deve começar o aperto nos juros do bloco.

Brasil

O Ibovespa abriu o dia em alta de 0,13% aos 111.246 pontos. O índice brasileiro acompanha o bom humor do exterior na abertura do mercado. A semana é marcada pela divulgação da inflação oficial do país em maio. Além disso, no cenário político há cobranças ao ministro da Economia por conta da alta dos combustíveis.

No setor de commodities, o petróleo operava em alta durante a manhã. O Brent subia 0,69% a US$ 120,55, enquanto o WTI avançava 0,63% a US$ 119,62. Já o minério de ferro, em Qingdao, registrava alta de 1,83% a US$ 144,55.

Internacional

Na Ásia, os mercados fecharam em alta após boas notícias em relação a China, como a divulgação do índice de gerentes de compras. O Hang Seng, em Hong Kong, avançou 2,71%, seguido pelo Xangai Composto, na China continental, que teve alta de 1,28%. O Nikkei, em Tóquio, subiu 0,56%, enquanto o Taiex, em Taiwan, valorizou 0,32%. Em Seul, a bolsa não operou devido a um feriado nacional.

Na Europa, as bolsas operam com resultados positivos, impulsionadas pela melhora na China que deixou os investidores em bom humor e com apetito ao risco, enquanto esperam pelo anúncio do BCE que deve sinalizar o fim do programa de compra de ativos na quinta-feira (9), abrindo caminho para a alta dos juros mês que vem. Por volta das 10h15 (horário de Brasília), o Euro Stoxx avançava 1,63%, seguido pelo CAC 40, na França, que registrava alta de 1,37%. Na Alemanha, o DAX subia 1,40%, enquanto o FTSE, no Reino Unido, valorizava 1,29%.

Nos Estados Unidos, os mercados também abriram em alta. O S&P 500 subia 1%, seguido pelo Nasqad que tinha alta de 1,59%. O Dow Jones valorizava 0,65%. O dólar operava em alta de 0,16% a R$ 4,78.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.