Portuguese
.

Meta divulga previsão abaixo do esperado para primeiro trimestre e ações caem 20%

Empresa culpou as novas medidas de privacidades adotadas pela Apple

Meta divulga previsão abaixo do esperado para primeiro trimestre e ações caem 20% Divulgação/Meta

A Meta, empresa dona do Facebook, viu suas ações caírem mais de 20% no pré-mercado dos Estados Unidos nesta quinta-feira (3). A queda acontece após a empresa divulgar o resultado trimestral com previsão de desempenho fraco.

A expectativa da Meta é que a receita do primeiro trimestre de 2022 fique abaixo do esperado pelos analistas, após a Apple promover mudanças para melhorar a privacidade dos usuários e dificultar os negócios de publicidade digital. A previsão do faturamento ficou entre US$ 27 bilhões e US$ 29 bilhões, enquanto analistas esperavam US$30,15 bilhões, de acordo com os dados da Refinitiv.

Essas mudanças promovidas pela Apple no sistema operacional, dão ao usuário formas de controlar as permissões de monitoramento de seu comportamento online, dificuldade para os anunciantes o conhecimento do mercado e assim, consequentemente, o desenvolvimento de novos produtos.

A notícia vem após no último trimestre de 2021 a receita total da Meta, formada majoritariamente por venda de anúncios, subir para US$ 33,67 bilhões em comparação aos US$ 28,07 bilhões do mesmo período de 2020. A receita ficou dentro da margem esperada pelos analistas, que seria US$33,4 bilhões.


Acompanhe o Mercado

Sua Jornada Investidora

Receba nossas notícias

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro? Receba gratuitamente, de segunda a sexta, as principais notícias e análises no seu email.




    Compartilhe do jeito correto. Selecione a rede social desejada e envie esta matéria gratuitamente.